Um remédio sobrenatural chamado Èṣù

“Cada um tem seu próprio Èṣù. Cada ser humano tem seu Èṣù individual, cada cidade, cada linhagem, cada entidade, cada coisa e cada ser tem seu próprio Èṣù. Se alguém não tivesse seu Èṣù em seu corpo, não poderia existir, não saberia que está vivo, porque é compulsório que cada um tenha o seu Èṣù individual.”

Èṣù não pode ser isolado e classificado em nenhuma categoria. Èṣù é o princípio dinâmico de tudo o que existe; sem ele, todos os elementos do sistema ficariam imobilizados, a vida não se desenvolveria.”

“Em virtude da maneira como Èṣù foi criado por Olódùmarè, ele deve resolver tudo o que possa aparecer e isso faz parte de seu trabalho e de suas obrigações. Cada pessoa tem seu próprio Èṣù; o Èṣù deve desempenhar o seu papel, de tal modo que ajude a pessoa para que ela adquira um bom nome e o poder de desenvolver-se.”

Olódùmarè fez Èṣù como se fosse um medicamento de poder sobrenatural próprio para cada pessoa. Isso quer dizer que cada pessoa tem à mão seu próprio remédio espiritual podendo utilizá-lo para tudo o que desejar, de acordo com as maneiras específicas e os deveres de seu Èṣù.”

– Babalaô Ifatoogun de Ilobu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s