[Palavra Chave] Leão, abutre e aranha

Solicitado por Bruno Munhoz

abutre-real-comendo-leao

O Rei Abutre abriu as asas para alcançar os céus repletos de nuvens vermelhas de sangue.

Havia carniças sobrevoando a terra. Pedaços natimortos de leões devorados flutuavam na atmosfera do mundo. Eram os restos de deuses caídos, que cresceram tanto em orgulho e soberba que acabaram decaindo de sua alta posição. Havia todo o tipo de realeza decadente, daqueles que ainda se lamentavam do que perderam, mesmo no pós-vida.

E no meio de tudo isso havia a aranha, cuja teia ligava o céu e a terra. A aranha levava as mensagens dos Reis Abutres, atuais monarcas do mundo, para os reis mortos lá nas alturas. Os reis leões mortos queriam voltar a reinar, só que estavam, bem, mortos. Foram todos despedaçados na Guerra da Carnificina de mil anos atrás, a grande batalha entre os leões e abutres pelo domínio do mundo. Os abutres despedaçaram todos os leões e o devoraram, e assim se tornaram reis. A selvageria que antes imperava na época dos reis leões deu espaço para o reinado democrático, meritocrático e pacífico dos reis abutres. Ordenação e progressão em sua melhor fase. As sábias aranhas, professoras e filósofas deste novo regime, levavam a mensagem dos abutres para onde quer que fosse, mesmo que fosse para os céus vermelhos onde agora moravam as divindades despedaçadas de deuses mortos.

Os reis leões observavam. A sociedade seguia feliz, cada um sabendo o seu lugar. Pacificamente os que eram devorados se deixavam devorar, pois sabiam que essa era a ordem natural das coisas, e que deviam aceitar para o bem de todos. Deveriam se sujeitar simplesmente, em nome do bem comum. Fazia mil anos que nada mais mudava, o mundo estava em paz. As sábias aranhas levaram esse recado. Os reis leões choraram sangue, e poças vermelhas cobriram vários pântanos do mundo.

Os reis abutres gargalhariam, se isso não fosse contra lei.

Deseja solicitar uma palavra chave? Clique aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s